Início dos atalhos. Fim dos atalhos.
Início do topo.
Fim do topo.
 
Escolas Conectadas por uma cultura de inovação

Escolas Conectadas por uma cultura de inovação

Tamara Castro
22/07/2020
Compartilhar:

Quais são os caminhos para a implementação de uma cultura de inovação na escola? De que modo as tecnologias digitais podem ser incorporadas ao cotidiano escolar na construção de uma educação criativa e de qualidade para todos e todas, promovendo o protagonismo estudantil na construção de suas aprendizagens? 

Com o objetivo de responder aos desafios da inovação escolar, a plataforma Escolas Conectadas oferece formação docente para apoiar os professores a criar e adotar metodologias de ensino e aprendizagem inovadoras que estimulem o desenvolvimento de competências do século XXI nos alunos.

A plataforma é desenvolvida pelo ProFuturo, programa global de educação da Fundação Telefônica Vivo e da Fundação “la Caixa”. Lançada em 2015, Escolas Conectadas tem o objetivo de promover a cultura digital nas escolas. Totalmente gratuitos, os cursos on-line promovem formação continuada a professores da educação básica, além de possibilitar o compartilhamento de conhecimentos entre os educadores.

A fim de ampliar as possibilidades de participação dos educadores, os cursos apresentam diferentes formatos (mediados e autoformativos) e cargas horárias, todos com duração máxima de um mês. A formação atua em duas frentes: turmas abertas (oferecidas a qualquer educador, independentemente da disciplina ou experiência); e turmas exclusivas (oferecidas em parceria com secretarias de educação).

Para saber mais sobre a plataforma e as estratégias de formação apresentadas, conversamos com Denise Lotito, gestora da plataforma Escolas Conectadas e de formação on-line de professores. Denise é especialista em implantação de projetos de EAD, com foco em formação de professores, mestre em Língua Portuguesa com formação em Gestão e Produção de E-learning. Leia a entrevista.


Desafio Inova Escola: Como a plataforma Escolas Conectadas pode contribuir para a implementação da cultura inovadora na escola? 

Denise Lotito (foto ao lado): Os cursos levam o educador a questionar por que razão algumas das práticas educativas que consideramos “normal” no cotidiano escolar não cabem mais para os alunos e a sociedade do século XXI. Assim, as formações estimulam práticas pedagógicas autorais e contextualizadas para as escolas, as comunidades e as demandas dos estudantes. Além disso, promovem a atuação colaborativa e interdisciplinar; sugerem a criatividade e a adoção de tecnologias digitais como catalisadoras de novas formas de ensinar e aprender.

Desafio Inova Escola: A plataforma oferece Caminhos para a Inovação e cursos on-line mediados e autoformativos. Quais são as diferenças entre percursos e cursos? 

Denise Lotito: Os Caminhos para a Inovação são grupos de cursos que abordam os diferentes eixos da inovação na escola: currículo, tempo e espaço, relações, práticas, cultura digital. Eles sugerem cursos de acordo com o perfil do professor. Por exemplo, o educador que gosta de inovar em tempos e espaços diferentes do convencional pode seguir nossas sugestões de cursos do Caminho Tempo e Espaço. Mas todos os cursos podem ser feitos independentemente dos Caminhos.

Desafio Inova Escola: Pode falar um pouco desses cursos e as diferentes estratégias empregadas para a abordagem dos temas e sua implicação no cotidiano escolar? 

Denise Lotito: As formações oferecem materiais, atividades e metodologia de ensino. Nossos cursos seguem uma linha pedagógica de investigação ativa dos participantes. Na construção dos nossos cursos, buscamos entender o que o professor necessita de uma formação para atendê-lo da melhor forma possível. Assim, os cursos possuem curta duração (4 semanas), pois sabemos da dificuldade que o educador tem em encontrar tempo para a formação continuada, Dão ênfase à prática, mais do que à teoria, porque sabemos que o professor necessita concretizar em ação pedagógica aquilo que aprende teoricamente. Além disso, por saber que os professores aprendem muito uns com os outros, procuramos fomentar a troca de experiências entre eles: as discussões nos fóruns são sempre com base na prática, evitando o foco nas discussões teóricas.

Desafio Inova Escola: Por que e como aproximar temas e práticas de inovação educativa à perspectiva da gestão pedagógica? 

Denise Lotito: Sem apoio da gestão não se muda muita coisa na escola. Não só pelo apoio que a gestão precisa dar para atitudes inovadoras do professor, mas porque a colaboração entre professores e a interdisciplinaridade é um terreno fértil para atender os alunos de hoje. E sem o apoio da gestão, a condição para esse tipo de trabalho não pode ser criada. A gestão escolar tem como responsabilidade contagiar os professores com a ideia de inovação educativa. Além do apoio aos professores, o corpo de gestores também precisa ser formado nessa visão de inovação. No Escolas Conectadas, ainda não temos muitos cursos para esse público, mas mesmo assim muitos gestores e técnicos formadores de secretarias de educação fazem nossas formações para aprender como orientar os professores de suas escolas e suas redes.

Desafio Inova Escola: Além de materiais de formação à distância, Escolas Conectadas se propõe a ser um ambiente de compartilhamento de conhecimento entre educadores. Como isso está presente na plataforma? 

Denise Lotito: Todos os cursos mediados possuem espaços de compartilhamento de conhecimento e prática entre os professores. São fóruns em que os professores são provocados a pensar em atividades inovadoras para seus alunos e a compartilhar com o grupo de colegas essas experiências. Temos também um blog que publica histórias de professores que aplicaram na escola o que aprenderam nos cursos. Temos planos de ampliar nossos espaços de convivência virtual para além das salas de aula virtuais, para que as trocas entre educadores não se limitem ao momento em que estão realizando um curso, mas que eles continuem compartilhando experiências e conhecimento mesmo quando não estejam inscritos em nenhum curso.


Formações da plataforma Escolas Conectadas

  • Alguns cursos com inscrições abertasInovação nas escolas; Quero inovar! Por onde começo?; Escola Digital: curadoria de objetos digitais de aprendizagem; Experiências educativas inovadoras usando as TIC; Escrita compartilhada: pesquisar, comunicar e aprender; Alfabetizando na diversidade” e “Inova Escola: Personalização.
  • Caminhos para a Inovação: Tempo e Espaço; Currículo; Práticas; Relações; Cultura Digital.

Clique aqui e responda ao quiz para descobrir que caminhos seguir.

TAGS: Educação Inovação Desafio Escola Profuturo

Comentários

Comentários